5 Regras para os casamentos da família real

Regras são necessárias em qualquer parte do mundo para que uma sociedade funcione bem e harmonicamente; sem isso a civilização é condenada ao caos e a desordem. Regras existem para ser observadas e obedecidas; questionadas se for o caso. É claro que, hoje, certas regras de comportamento não farão mudanças na forma com que o povo olha e admira seus nobres, mas as regras protocolares precisam ser respeitadas, obedecidas e admiradas, pois fazem parte da cultura e da história do país.

Quem pensa que as regras da realeza britânica são somente para a rainha está enganado, pois existem regras para todas as pessoas e para todas as ocasiões possíveis na Inglaterra. Foi pensando nessas ocasiões que hoje trago para vocês 5 Regras para os casamentos da família real.

1ª Quando se casam os membros da família real ganham outro nome.

2ª Os casamento tem que ser aprovado, por causa de uma ata de 1772 que diz que os membros da família real tem de receber tal permissão.

3ª Os bouquets das noivas tem sempre que ter uma flor de murta.

4ª Todos os casamento devem ter vários “meninos das alianças” que são os pajens.

5ª Membros da família real não podiam casar com cidadãos católico-romanos até 2011, depois disso a regra foi revista e o casamento está liberado.

Termino aqui pessoal.

Deixem aqui nos comentários qual regra vocês acharam mais curiosa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s