Confidências de Jesus a Teresa 2

Olá pessoal, voltei para seguir com a poesia de Santa Terezinha:

Não é um anjo qualquer que quero dar à tua irmã. Por isso, gosto, no mistério, de formar sua alma e seu coração.

Eu mesmo embelezo esta alma; dos meus tesouros, faço-lhes dons. Mas em troca… Ah! Eu peço de joana um perfeito abandono.

Com uma particular ternura, dela disponho com minha mão, pois deve dar à minha Igreja um Pontífice, um grande Santo!””

Termino aqui pessoal!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s